Review: A Caminho do 20 – Parte 1

No dia 7 de março foi realizada a primeira sessão da atividade “A Caminho do 20!”, dividida em duas partes. Este conjunto de workshops tem o objetivo de preparar os estudantes de Química, Bioquímica e Biotecnologia para os trabalhos, projetos e teses que tenham de desenvolver e apresentar. O primeiro momento, leccionado pelo Prof. Pedro Domingues, do Departamento de Química, foi dedicado à aprendizagem de uma melhor pesquisa bibliográfica e organização da mesma, utilizando como base de dados aconselhada o Scopus e como gestor de referências o Zotero. A segunda parte, a realizar no mês de abril, contará com dicas úteis para a apresentação oral do trabalho (já com excelente organização bibliográfica!) desenvolvido.

Esperamos voltar a ver-vos na próxima sessão!


De seguida estão alguns pontos importantes retidos durante a sessão:

Primeiro, é importante ter em conta alguns critérios de seleção de artigos científicos:

  • Falar com outros cientistas com experiência;
  • Selecionar autores de renome;
  • Optar por artigos de revisão recentes;
  • Identificar trabalhos chave na área de pesquisa;
  • Localizar e registar keywords úteis nos artigos;
  • Testar as keywords no Google ou noutros sites (por ex. Medical Subject Headings – https://www.nlm.nih.gov/mesh/MBrowser.html).

Pesquisa refinada de bibliografia com o Scopus:

Podemos refinar a nossa pesquisa no Scopus com os seguintes parâmetros (barra lateral esquerda no website): Autores; Número de Citações (preferir um maior nº – coluna lateral direita); Data do artigo; Tipo de Documento (Revisão); Keywords.

  • É possível ainda exportar diretamente artigos do Scopus para o Zotero: Selecionamos os artigos desejados, guardar para o Zotero utilizando a sua extensão para o browser.

É bastante útil ter uma conta no Scopus, de modo a podermos utilizar duas funcionalidades bastante interessantes:

  • Histórico de pesquisas efetuadas;
  • Selecionar um artigo para receber um altera quando este é citado (“Set citation alert”);
  • Selecionar keywords que nos interessam para que sempre que é publicado um artigo com essas etiquetas receber um e-mail com a notificação da publicação.

Outras bases de dados: MedLine, WebofScience, entre outros.

Dicas na utilização do Zotero:zotero_128

Com o Zotero podemos usufruir de várias funcionalidades como por exemplo:

  • Criação de várias pastas e organização das mesmas com bibliografias diferentes;
  • Armazenar as mesmas pastas virtualmente, com o Dropbox, por ex., para acesso em qualquer lugar.

Selecionar pastas de bibliografias:

  • Ferramentas -> Avançadas -> Ficheiros e Pastas -> Selecionar pasta desejada em ambos os diretórios;
  • Podem utilizar como treino o seguinte template: icon-folder-128
  • Adicionar, na secção “A minha Biblioteca”, várias coleções (pastas) onde se podem armazenar artigos.

Obter artigos e respetivas referências:

  • Arrastar artigos para o workspace do Zotero;
  • Clicar com o botão direito no artigo e “Obter Metadados” para obter a informação bibliográfica, a partir da Internet;
  • Renomear o artigo com base nos metadados obtidos;
  • Após colocar os pdf’s na pasta “storage”, é possível pesquisar pelos mesmos pesquisando por “*.pdf”;
  • É também possível adicionar artigos no Zotero utilizando códigos de identificação (doi, ISBN, PMID), com a opção “Adicionar item por identificador” – No entanto, este comando apenas adiciona a informação bibliográfica, não o artigo;
  • Os artigos incluem keywords, que são armazenadas no Zotero, no canto inferior esquerdo;
  • É possível adicionar manualmente keywords e, no conjunto de keywords existentes, selecionar uma keyword de interesse e observar apenas artigos com essa keyword;
  • Podemos ainda adicionar Notas, descritivas do artigo em questão e, para utilidade, o motivo de ter retirado o artigo. É também possível incluir imagens descritivas;
  • Para introduzir manualmente bibliografia: Ficheiro -> Novo item -> Selecionar tipo de ficheiro -> Introduzir bibliografia.

Funcionalidades da extensão do Zotero para browsers:

  • É adicionado no browser um ícone “Save to Zotero”, com o qual, ao visitar um artigo, podemos retirar imediatamente para o Zotero a informação bibliográfica e, se possível, o pdf com o artigo;
  • Guardar referências de livros do Google Books, incluindo o link para o livro na plataforma – Se tivermos o livro, basta arrastá-lo para o grupo de referência;

Funcionalidades do Zotero em Word:

  • Na barra de tarefas do Word, selecionar a aba do Zotero; Clicar em “Add/Edit Citation”; Selecionar norma de citação (Estilo de referência – Vancouver é das mais utilizadas no DQ); Selecionar “Ok”; Adicionar por nome de autor ou por Visualização Clássica; Selecionar “Fontes Múltiplas”; Adicionar artigos a serem citados, ordenados utilizando as setas verticais;
  • Para apagar citações; Selecionar a citação com o cursor; Clicar em “Add/Edit Citation”; Apagar o autor a remover; Pressionar “Enter”;
  • É possível adicionar mais estilos (normas) em: Ferramentas -> Preferências -> Citar -> Estilos -> Obter estilos adicionais -> Selecionar estilo e efetuar download; Clicar em “+”; Selecionar o estilo obtido; Instalar.